Ler&Ele

14:19

Ler com ele ou para ele, era sempre um dos momentos mais fantásticos do meu dia. Era uma fonte de prazer e de alegria indescritíveis. E eu sempre era contemplada com uma interpretação única, doce e sábia. Por vezes, o que me encantava e deixava confusa, era as conversas que surgiam...

-Maaaae, o Marcelo disse que a colher deveria se chamar mexedor, você viu?
- Pois é, vi sim. Ele quis mudar o nome de todas as coisas.
- Vou ser igual a ele agora!
- Não, nem pensar - gargalhei - Ele acabou complicando as coisas.
- Gente grande não entende nada de nada mesmo!
- Usando frases do livro.
- Sim - ele respondeu rindo - Mas você vai me dar um Godofredo?
- Um dia, João... Um dia. Agora vamos ler a história da Teresinha e Gabriela?
- Vamos! Mais uma história para mim, princesinha - apertou minhas bochechas e sentou-se do meu lado.
- Meu pequeno príncipe.
- Maaaae... A mãe de um príncipe é a rainha, então você é uma rainha.
- Sabe, eu até seria, se esse título fosse mais importante que o meu, sendo você meu pequeno príncipe, ser sua mãe já me basta. Ser rainha, baronesa, condessa...
- Ministra... - ele acrescentou.
- Ministra?
- É, da magia.
- Ah, sim... Ministra também, nenhum desses títulos é mais importante que ser MÃE.

Nesse instante ele não falou mais nada, apenas me abraçou e continuou a ouvir mais duas histórias que ainda restavam no livro.
Atencioso como sempre, detalhismo como ninguém, ele conseguia tornar aqueles momentos mais especiais ainda, e era exatamente daquilo, que eu jamais abriria mão!



VOCÊ PODE GOSTAR TAMBÉM

6 comentários

  1. Eu ameeeeeei' .... me fez criar um futuro meu <3

    ResponderExcluir
  2. Que lindo, cara. A narrativa, a relação entre os dois.
    Escreve muuuito bem :)

    ResponderExcluir
  3. Tah liiindo amiguinha... Adoro, amo seus post's bjinhos

    ResponderExcluir