Father

13:31

Era mais que verdades ditas num calor de momento, eram verdades ditas nos momentos em que ela julgou certo. Ela trazia na alma os ferimentos de uma vida sem respostas, ela trazia no coração as perguntas que machucavam seus dias.
Ele apenas chorava e olhava, ele não sabia o que responder, ele tinha errado por toda a vida e agora era tarde pra se redimir. Ele queria o abraço dela, ele queria o perdão dela. Mas sabia que isso ele jamais poderia ter. Ele não sabia a resposta para a metade das perguntas que ela elaborava em meio as lagrimas que banhavam seu rosto, e a culpa de tudo só o dilacerava mais e mais. Ele queria um sorriso terno, mas ali, naquele instante, ele sabia que jamais conseguiria. A culpa de nunca ter cuidado do que era dele fez ele padecer a cada segundo mais.
Ele levou isso na mente por todos os lugares que ele ia nos anos seguintes, a vontade de estar junto dela e não poder, acabava com sua vida. A culpa nunca mais o deixou dormir em paz...

Meus olhos sonhadores

21:35

Meus pés estão cansados de tanto correr em ruas vagas que se dão em minha vida.
Meu corpo não suporta mais essa briga com o tempo.
Mas tenho uma força, aquela força que vem da alma e que encoraja os melhores sorrisos.
Eu trago na alma a alegria de tentar e conseguir, de lutar e vencer.
Eu trago nos olhos sonhos que me tornam menina, e eu não me canso de sonhar.
Quero ser bem essa menina que sorrir com os olhos e voa com gigantes asas que só quem tem brilho na alma consegue ver.
Sempre menina, sempre sonhadora.

Minha historinha com você, sobre você!

21:57

Abri os olhos devagar, com um sorriso manhoso que faziam seus olhos brilharem. Sua mão corria minha face, seus dedos desenhavam minha boca. Você me olhava com tamanha ternura que o mundo poderia estar desabando lá fora, mas para mim, nada importava além daquele momento. Eram em instantes como aqueles de que eu tinha a plena certeza que você havia sido minha melhor escolha, minha luta mais valiosa, minha paz mais plena. Eu te amava como amava o ar que eu respirava e sabia que sem você eu não iria longe. Era aquele olhar, que ora calmo, ora zangado, ora terno, ora irônico, ajudava em todas as minhas decisões, eram suas mãos que guiavam-me onde quer que eu fosse. Sim, você era meu eixo, meu guia, minha luz.


Pequena

09:56

Uma coisa que eu realmente procuro entender, é você falar que quer cuidar de mim e ser rude comigo.
É falar que quer me mudar, mas ser duro.
Lá no fundo, ou talvez na superfície, eu demonstre o quanto sou menina.
E acho, apenas acho, que esse não é um modo dos mais bonitos de falar com uma menina!


Sem você

23:50

Você deixou mais que balinhas de café esquecidas em nosso quarto...
Você deixou parte da nossa história!
Aqui tem nossos risos, nossos choros, nossos medos, nossas alegrias, nossas euforias, nossos sussurros, nossos beijos..
Agora, pra mim, ficou só minhas lembranças com teu cheiro em meu travesseiro.
Não quero acordar se é para viver nessa realidade que tanto me faz chorar. Me deixarei sonhar, pra fugir do que machuca. Pra fugir dessa lamina que desceu pela garganta, que te disse tchau, e está cortando tudo por dentro.


I'm rock girl

19:34

Lembro sempre da cara da minha mãe quando aos 18 anos eu disse pras visitas que não sabia andar de salto.
Lembro do espanto da minha família quando cheguei ao almoço de domingo com o cabelo colorido.
Lembro da frustração do meu pai quando disse que não queria cursar faculdade e sim viajar o mundo com uma mochila das costas e uma câmera no pescoço.
Lembro do jeito da minha avó quando disse que não queria casar, queria ser livre pra voar.
Lembro do desespero de minha madrinha quando me viu num palco tocando guitarra falando de dor.
Lembro que todos tinham em comum, a ideia que era a fase do rock'n roll.

Mas sabe, lá no fundo eu sei que essa tal fase ainda não passou!


Apenas menina

10:28

E mesmo que não pareça, eu tenho sentimentos...
E como uma menina, que ainda sou, pequenas palavras e pequenas atitudes me ferem profundamente.
E como adolescente que também ainda sou, fico com essa mágoa ardendo no peito.
Essas dores impedem de minha voz sair, e com isso, só minhas lágrimas falam por mim. Doer dói, mas vou crescendo com isso, e como num coração adulto que não tem piedade nem humildade de perdão, vou guardar isso comigo pela eternidade. E mesmo que haja hipocrisia à me falar que mágoa não é coisa boa a se guardar, eu lhe pergunto... Dentro de você não há nenhuma mágoa que você não sabe perdoar?
Pode até perdoar, mas esquecer...
Ah meu amigo, esquecer é algo impossível.


Pequena bruxa

23:32

Não me chame de 'minha deusa' se não tem intenção de me tratar como tal. 
Não me chame de 'minha fada' se não acredita no que diz. 
Não me chame de 'minha bruxa' se você não suporta a ideia de me ver como uma. 
Não me chame de 'meu amor' se você não pode aceitar e conviver com minhas opiniões, com meu jeito, com meus estresses, com minhas piadas sem graça, com minhas nostalgias diárias, com minhas loucuras, com minhas histórias e com meu passado... 

Sou do jeito que você ver, não sou como você pensa, não sou no interior o diferente do que tento passar.

E eu te amo...

23:01

E mesmo que doa até meu respirar, eu não tenho mais o que falar.
Eu não quero te ver sangrar, eu não posso mais acreditar.
Eu não sei mais como andar, sem tuas mãos pra me guiar.
Mas devo aprender desde já, a dizer adeus pro teu olhar.
Me recuso a confirmar, meus motivos de nos matar.
Apenas devo lembrar, as coisas boas que vivi no teu abraçar.
Eu sei que agora vou tombar, mas é inevitável pro seu bem-estar.

Livros

17:44

E eu aprendi a voar sem tirar os pés do chão.
Eu preciso contar a sensação, eu preciso descrever o prazer que é!
Eu num belo dia peguei um livro e comecei a ler, pude sentir todo o meu ser envolver-se naquela história. Passei a sentir-me parte daquela narração.
Quis ajudar, quis gritar, quis fazer algo que me levasse pra junto e mais junto.
No fim do livro aprendi que se quero voar sem ter asas, se quero participar de batalhas sem ferir-me, se quero apaixonar-me platonicamente, numa narrativa de um livro posso viver todas essas emoções!!

Conto à vocês, já vivi grandes amores, grandes guerras, grandes catastrofes, grandes festas... Já chorei, já sorri, já senti raiva... e tudo isso sem sair do conforto do meu quarto, apenas com um livro na mão.


E hoje vos conto, meu maior prazer, minha maior paixão: É um livro na mão!

Cor de céu

23:22

Joguei pétalas ao pôr do sol
Recebi de volta um banho de perfume
Com uma luz que irradiou a alma.
Retribui o presente à mim mesma com um belo sorriso.

Ganhei luz, ganhei cheiro, ganhei cor.
Acho, que amor!


Querido

22:27

Tuas mãos,
Minhas mãos.
Tua boca,
Minha pele.
Teu suor,
Meu calor.
Tua rouquidão,
Minha perdição.
Teu abraço,
Meu porto seguro.
Teu carinho,
Meu sorriso.
Teu amor,
Meu amor.

NOSSO AMOR.

A Bagunça Do Meu Coração

23:14

Ei, moço.
Vem cá.
Entra aqui, mas entra devagarinho.
Não repara a bagunça não, moço.
Mas é que há tempos que não arrumo isso aqui.
Mas moço, se você quiser, me ajuda aqui.
Está bagunçado demais, eu bem sei.
Há tempos eu espero por você.
Moço, esses teus olhos, moço.
Eles me encorajam, me alegram, me prendem.

Não sai mais não, moço.
Fique assim, juntinho, unido.
A bagunça chegará ao fim, ficará tudo lindo, tudo limpo, tudo nosso, tudo teu!

Clarinha

22:48

Pele clara.
Batom vermelho.
Cabelo preto.
Vestido balonê.

Lá vem ela com seu sorriso cativante.
Lá vem ela com sua franja elegante.
Lá vem ela andando com as pontas dos pés flutuante.

Olha o vento fazendo-a dançar.
Olha o vento moldando-a no andar.
Ola o vento desejando-a cantar.

Maria Alice

14:42

O ballet das folhas nas árvores fazem o som da primavera.
O cheiro que o vento me traz, é o perfume dela.
As flores que aguardo só chegam com ela.
De Tulipas a Jasmins, de Rosas a Acácias.

O ballet só se chega ao esplendor com o sorriso dela.
É Outubro, é primavera, é ela inteira pra mim.
É flores, é folhas, é o amor dela exalado em mim.
É poesia, é alma, é minha historia num enredo sem fim.

Amor e caneta.

13:35

Eu sou a ponta da caneta que escreve versos lindos, eu sou aquela que põe cor no branco do papel, que faço uma imensidão de coisas tornarem-se eterna num simples querer.
Eu escrevo amor, eu rabisco o tempo, eu desenho o sentimento, eu brinco de pintar... Posso ser única, ter apenas uma cor, mas com cuidado e sabedoria posso fazer o que você quiser, basta saber manusear-me.
Sou cobiçada, invejada, por vezes muito usada...
Posso falhar, quando você mais precisar, mas saiba que eu nunca vou te deixar.
E hoje eu sei, que mesmo no dia que eu acabar, que não tiver mais forças ou tinta pra te ajudar a falar de amor, espalhar ao mundo à felicidade, você irá guardar-me consigo.
Igual a mais importante caneta de um grande escritor de poemas de amor!

Sorrisos, Abraços e Cheiros

13:11

Meu sorriso só aparece quando eu te vejo.
Minha alegria só é completa com teu abraço.

É nos teus braços que eu me perco.
É na tua voz que eu viajo e esqueço do chão.
Você é tudo o que preciso pra ser feliz.
Esqueço que o mundo é mundo quando o assunto é você.
O que eu sinto vai bem além do que eu posso escrever, vai exatamente no ponto onde posso te mostrar e te provar...

Meu eixo que me tira do sério.

Tua

22:09

Sou tua parte, sim...
Sou teu eixo.
Teu vazio.
Tua resposta. 
Sou aquela peça que faltava no teu quebra-cabeça.
Tua loucura,
Teu pedaço que vc sentia falta.
Tua luz.
Teu refúgio.
Tua benção.
Sou todas as tuas glórias.
Sou o que você tanto procurou.
Sou eu quem carrego teus sonhos em mim, não foi por acaso que em mim refletiu tua visão.
Não sou teu acaso ou caso, sou tua história, teu destino, teu amor...

Saudades

21:57

Pensei em escrever algo a noite passada, 
mas fui vencida pelo cansaço das lágrimas da semana inteira.

Eu imaginei a felicidade e depositei em você,

todas as esperanças e as estrelas que brilhavam nos meus olhos.

Mas num belo dia, pelo cair da tarde, uma ventania trouxe más noticias para minha vida.

Era nossa história interrompida, despedaça, destruídas, jogadas ao chão.

Minha paz, minha luz, minha razão e meu sorriso, se foram num único instante em que te perdi.

A dor no início era quente, sem tamanho, sem lógica, sem descrição.

Com o passar dos minutos tudo era mais frio, mais real, mais doloroso.

Nessa terrível semana a dor vem crescendo, destruindo mais e mais...


Na sua sepultura encontra-se dois corações, dois sorrisos, duas vidas, inúmeras histórias, infindáveis sonhos e um amor.


Minha tarde com cheiro de infância

12:24

Você é minhas manhãs de sol manhoso, meu despertar mais sereno, minhas nuvens num tom de cor bebê.
Você é minhas tardes com gosto de infância, você é aquele sorriso puro de uma descoberta feita por uma criança.
Você é as minhas noites protegidas, como num abraço eterno e acolhedor...

Você é um sorriso bobo que sai do canto da boca, você é aquela mão no cabelo pra fazer charme sutil.
Você é o disparar do coração em plena madrugada quando o telefone alerta uma nova mensagem falando TE AMO.

Você é meu melhor sorriso, meu melhor abraço, meu melhor cafuné.

Você é minha plenitude...
Você é meu céu num fim de tarde perfeito que traz a lua pra iluminar nossos beijos depois de um abraço eterno e saudável.


Eu simplesmente te amo, poq você é AMOR.
AMOR que não se descreve, apenas sente...