Menina da terra

09:14

Sou filha da natureza, sou representante da grande mãe.

Sou fruto de amor, sou magia e sintonia, renasci das arvores que enriquecem o campo, tenho raízes fincadas que vem do subterrâneo, sou uma espécie de menina da terra, que da terra veio e pra terra vai. Vejo no horizonte o infinito amor renascer todos os dias, vejo o brilho que invade a alma, vejo o sorriso das flores a cada dia numa nova jornada. Sonho seria conseguir absorver todas as energias numa única vez. Energia da terra, energia do sol, energia do vento.  Sou filha livre, sou o amor do amor, sou o balanço da folhas com cheiro de flores. Sou eu quem carrego em mim positivismo e luz, sou a filha da deusa, princesa guerreira, donzela futura mãe e amanhã anciã. Sou bruxa, sou fada, sou menina terra eterna.

Pássaro

08:50

O canto triste do pássaro na gaiola me entristecia todas as vezes que passava por ele, sentia que precisava fazer algo que alegrasse dois corações, o dele e o meu.

Certa manhã, acordei mais tarde que o habitual, todos já tinham saindo, eu estava só, apenas eu e o cantar triste do pássaro, apressei-me à descer as escadas que ficavam na frente da casa, para garantir que não havia mais ninguém que pudesse impedir-me de fazer o que já deveria ter feito há mais tempo.
Vendo que não havia ninguém, voltei e peguei a gaiola, o pássaro era lindo e sabia que seu canto era bem mais bonito que aquele som triste emitido por está preso e longe de seu céu.
Sentei-me no ultimo degrau daquela escada que tinha cerca de quinze e coloquei a gaiola do meu lado, fiquei observando aquele pássaro que agora, movimentava-se cada vez mais rápido, cada vez mais agitado, ele cantava agora um som rápido que por algum motivo, entendi como um suplica para abrir ‘sua prisão’, e assim fiz.
Indescritível foi minha gratificação ao ver aquele dançar elegante de bater de asas único que talvez jamais poderia imaginar que ele teria. Ele voou para perto das árvores e o perdi de vista. Senti meu peito bater aliviado, como se parte de mim estivesse livre também.


Coração, canto, dança, poesia, nunca deveria ser mantido preso, todos eles deveriam ser expressados da melhor maneira, com todo o viver envolvido do momento, nada deve ser reprimido, interrompido, escondido, constrangido. Deve ser com um pássaro, livre à voar.

Ler&Ele

14:19

Ler com ele ou para ele, era sempre um dos momentos mais fantásticos do meu dia. Era uma fonte de prazer e de alegria indescritíveis. E eu sempre era contemplada com uma interpretação única, doce e sábia. Por vezes, o que me encantava e deixava confusa, era as conversas que surgiam...

-Maaaae, o Marcelo disse que a colher deveria se chamar mexedor, você viu?
- Pois é, vi sim. Ele quis mudar o nome de todas as coisas.
- Vou ser igual a ele agora!
- Não, nem pensar - gargalhei - Ele acabou complicando as coisas.
- Gente grande não entende nada de nada mesmo!
- Usando frases do livro.
- Sim - ele respondeu rindo - Mas você vai me dar um Godofredo?
- Um dia, João... Um dia. Agora vamos ler a história da Teresinha e Gabriela?
- Vamos! Mais uma história para mim, princesinha - apertou minhas bochechas e sentou-se do meu lado.
- Meu pequeno príncipe.
- Maaaae... A mãe de um príncipe é a rainha, então você é uma rainha.
- Sabe, eu até seria, se esse título fosse mais importante que o meu, sendo você meu pequeno príncipe, ser sua mãe já me basta. Ser rainha, baronesa, condessa...
- Ministra... - ele acrescentou.
- Ministra?
- É, da magia.
- Ah, sim... Ministra também, nenhum desses títulos é mais importante que ser MÃE.

Nesse instante ele não falou mais nada, apenas me abraçou e continuou a ouvir mais duas histórias que ainda restavam no livro.
Atencioso como sempre, detalhismo como ninguém, ele conseguia tornar aqueles momentos mais especiais ainda, e era exatamente daquilo, que eu jamais abriria mão!



Pausa Para Um Café

18:00






Lorena Pereira Vaz, ou apenas Lory Vaz, é uma adolescente de 15 anos que mora na cidade de Caruaru, interior de Pernambuco.

A fã de Crepúsculo, Harry Potter, The Vampire Diaries e RBD, é estudante do primeiro anos do ensino médio e divide seu tempo com posts no blog e vídeos no canal do youtube, ambos dão dicas de moda, beleza, maquiagem, moda, musica, livros e sobre ela também.

Vale bastante a pena conhecer a Lory e conhecer os cantinhos dela também, então, aproveitem nosso papo e logo depois façam uma visitinha à ela.


-x-

Alice – Há quanto tempo tem o blog e o canal?
Lory - O canal eu tenho quase 2 anos (fiz ele em março 2012) e o blog eu criei a menos de 6 meses (em maio de 2013) 

Alice – Como surgiu a ideia de cria-los?

Lory - O canal surgiu quando eu assistia a Kéfera e dá para perceber que os meus primeiros vídeos eram meio que critica, muito sem noção. E o blog ele veio meio do nada, não sei bem exatamente como criei e foi assim que ele começou a fazer parte da minha vida.


Alice – Conta com a ajuda de alguém para mantê-lo atualizado?
Lory - Não, sou eu quem faço as atualizações, as fotos, as edições e todo o resto!


Alice – Como é para você mantê-los sozinha?
Lory - Nossa, no começo era bem uma loucura eu postava mais ou menos uma vez por mês já que eu não sabia programar post. Agora eu deixo pelo menos 3 post programados, menos disso é quase impossível fazer o blog andar. O canal antes eu postava uma vez por semana (quando postava critica) depois comecei a postar duas vezes por semana, foi aí que a minha câmera quebrou então agora post em media uma vez por semana (quando não posso posto um vídeo curtinho pedindo desculpas e para o pessoal me acompanhar no blog) com ajuda seria mais fácil bater foto de look, essa coisas que na maioria da vezes só se consegue acompanhada, mas consigo fazer sozinha.

Alice – De onde vem suas inspirações?
Lory - Depende muito das postagens, mas os vídeos de DIY são de tutorias da internet, e o #15anos eles variam muito. Pois vejo muitos vídeo de 15 anos e então vejo o que cada menina pergunta e quais são suas duvidas eu tento responder as minhas próprias duvidas, e também aquilo que estou fazendo pro meu aniversário. As outras postagens vem, na maioria, da minha cabeça meio que do nada.

Alice – Qual a repercussão?
Lory - Repercussão? Bom, meu canal e o blog estão muito no começo então EU não vejo repercussão nenhuma. Mas se você fala da vida real, a minha família sabe e minhas amigas também, as vezes elas dizem que vão fazer vídeos comigo para me ajudar, seria bem divertido!


Alice – Como lidar com as críticas?
Lory - O vídeo que mais tenho reclamações é o “Faça você mesma: decoração simples para quartos” é em relação ao áudio desse vídeo, mas eu não tiro a razão do pessoal o áudio é mesmo baixíssimo. Mais  eu também já tive comentário realmente desnecessários, que eu simplesmente exclui, só não vou ficar lendo coisas feitas por crianças que não tem nada para fazer.

Alice – Qual a maior gratificação que pode existir para você nesse meio?
Lory - No meu caso não é monetária, já que faço vídeos e por enquanto não ganho nada por isso, sim por aquele comentário “Amei o vídeo” “Inscrevi, espero os próximos vídeos”, e quando você sente que fez alguém sorri ou ajudou alguém com aquilo que você sabe. Isso consegue ser mais gratificante que tudo.



Alice - Queria te agradecer muito por responder as perguntas, gosto bastante de seu blog, e se poder te dar uma dica, te diria que continue assim, sempre buscando melhor, claro!



Gente esse foi nosso primeiro ‘pausa para um café’ espero que tenham gostando. Pra quem quiser conhecer o blog e o canal da Lory, os links estão ai em baixo!


Paciência

09:40

Eu estava acordada, porém quieta. Você chegou de mansinho e sentou do meu lado na cama. Me olhava, e eu sentia que era observada, mas continuava de olhos fechados. Ouvi seu riso baixo, o que me fez abrir só um olho e fechar rapidamente... você começou a falar:
'Sabe, se minha namorada estivesse acordada eu teria umas coisas para falar pra ela. Primeiro seria falar que ela fica muito fofa fingindo que está dormindo, até pelo fato de a cada 5 segundo ela fazer carinho na minha blusa que ela acha que não estou vendo - mordi meu lábio com raiva de mim mesma - Segundo, queria fazer um pedido, queria pedir para que ela ouvisse as coisas quando vou falar, ou pelo menos ouvisse até o fim antes de explodir, pois se irritar na minha segunda palavra é algo extremamente frustante. Se falo, é porque a quero bem, quero cuidar, proteger, ensinar... É engraçado ver ela falando que eu a mudei tanto, que a ajudo tanto, mas será que se ela parasse pra pensar que se ela controlasse um pouco o gênio explosivo eu teria ajudado bem mais e em muitas outras coisas? Orgulhosa? Ela é um poço. Dramática? A rainha. Teimosa? Maior cabecinha dura que já conheci. Mas eu nunca desistiria dela, pois ela é como uma tempestade passageira, e logo em seguida tá ali pra me ouvir, pedir minha opinião, minha ajuda. E é por isso que ignoro as explosões pois sei que ela volta atrás. E por isso, também, depois de uma briga eu fico na minha, deixo ela esfriar a cabeça, sei que logo depois ela vem a minha procura. Mas hoje, hoje eu precisava falar isso, ela tinha que ouvir, mas se estivesse acordada, né?
Eu viro pra você e você deita do meu lado me abraçando... Encosta o nariz no meu e me olha fixamente. Eu seguro tua mão e falo:
EU TAMBÉM AMO VOCÊ!



Xodó

00:06

Te olhar dormir é um presente que ganhei por te amar.
Ver teu semblante tranquilo por estar seguro ao meu lado é minha maior fonte de alegria.
Saber que tenho você a cada dia mais que o outro me traz forças para continuar a nunca desistir de nós dois.
Acordar no meio da noite e sentir teu calor, ouvir tua respiração e saber que estás de fato comigo, me arranca  sorrisos que nem eu mesma sabia que poderia dar por alguém.
Cuidar de você, mimar você, é uma forma única de cuidar de mim.
Falar que te amo já como minha oração diária para que Deus cuide de ti, olhe por ti e nunca te afaste de mim.


Minha loucura mais perfeita

09:08

Acho tão engraçado aquele jeito que você me olha enquanto eu falo algo importantemente louco, é acompanhado com um sorriso tão doce que eu gaguejo e me perco nas palavras, por fim estamos nos olhando de modo que até nossos olhos sorriem...
- O que foi, amor? – Pergunto depois de alguns segundos, meio tímida.
- Nada, estou apenas te olhando e te ouvindo falar. – Você responde com um sorriso ainda maior.

Te abraço de modo rápido, agarrando seu pescoço e apoiando minha cabeça no seu ombro e aquela voz que fala ‘coisa mar linda’ desata aquela minha gargalhada que tem o dom de te enlouquecer.

Ter a pessoa que amamos em nossos braços, por mais rápido que seja, faz que a gente saiba o valor de coisas simples que fazem a diferença, admirar instantes que fazem a diferença nos torna pessoas mais evoluídas. Dizem que quem ama é louco, se for assim, quem amo me torna a louca mais feliz do mundo!


O segredo de querer só ela

18:07

Ela era uma menina de olhos castanhos e cabelos cacheados. Dona de uma gargalhada que o deixava maluco. Ele sabia, exatamente, o que nela o encantava e despertava tantos sentimentos. Ela tinha um olhar rápido, por vezes detalhista, mas na grande maioria era desligada.
Existiam coisas que o irritavam profundamente, ele gritava e extravasava, mas ao olhar para ela via uma menina assustada e então caia a ficha, ela era apenas uma menina que errava por brincar em momentos inoportunos. Ele tentava fazer o mesmo, brincar com ela no meio de uma conversa, mas quando a olhava em meio ao riso, via uma mulher séria, de nariz em pé que demonstrava não achar a menor graça no que acabava de ouvir e começava um sermão de no mínimo meia hora. Quando dava a oportunidade dele de falar, começavam uma discussão que acabava com ela sempre entristecida e com ele exaltado de raiva.


Mas com uma voz num timbre baixo, ela chamava ‘amor’ e não tinha como ele resistir aquele jeito de menina que o desmontava inteiro.
E esse era o segredo de não querer mais ninguém, ele tinha várias em uma só, e por incrível que pareça, ele não se imaginava sem sua mulher de fases.

A graça após a janela

17:42

A natureza e as horas são engraçadas, Esmeralda... Muito engraçadas.
O amanhã nunca será hoje, o agora nunca será ontem e as oportunidades nunca serão as mesmas, assim como as horas.
Eu chego a diverti-me quando da minha janela, eu observo as nuvens se deslocarem pelo céu, elas caminham para um lugar que não sei qual seja, mas adoraria saber, ou talvez não, não mesmo, pois, como eu iria acompanhar o passeio da nuvem que ainda vem se eu corresse atrás da que já passou?
É engraçado ver o ballet das estações durante todo o ano, o sol aquece, o chuva molha e o vento trás e leva. É como numa valsa bem ensaiada para nos hipnotizar com alegria e beleza por todo o ano todos os dias.

Como não amar o mundo pós minha janela? Nele u sou uma borboleta, que voa, que pousa e que faz desenhos no ar, semeando luz, cor e tom.

Que amor é esse, João?

20:25

Aquele jeito de me olhar...
Aquele jeito de me aconselhar...
Aquele jeito de conversar...

Ah, meu pequeno, não erro em momento algum quando falo que és um pequeno príncipe. Tu me impressiona quando faz com que eu seja como tua filha, como tua formiguinha como tu mesmo se refere a mim. És um pequeno que irradia luz, paz, sabedoria e amor para todos aqueles que te cercam. Tua voz soa como canção em cada palavra dita por esse imenso coração. Sinto-me sortuda e especial por ter você em minha vida, como meu anjo protetor, como meu filho, como meu amigo, como meu avô, como um pedaço de mim. És aquela parte do meu coração que bate fora do peito, és meu amor de outras vidas para toda a eternidade.

Quatro luas

21:26

Olhando para trás, para o inicio de tudo, vejo que não estava em nossos planos fazer parte um da vida do outro como fazemos.

Já passamos por certas coisas que não é muito comum pra você, tampouco pra mim. Acostumar com cada defeito, aprender amar ainda mais a qualidade, ver coisas que só demonstramos sutilmente um ao outro, faz toda a diferença.
Hoje vemos o quanto um está acostumado com a mania do outro, com o jeito de falar e agir. Mas há coisas que não passa despercebido a ponto de ter que gerar discussão.

Amor, a vida não é um paraíso como nos filmes, a vida simplesmente prega peças que não faz sentindo nenhum tentar entender o motivo. Uma vez entendido, perde a graça de viver. Aproveito cada segundo do teu lado, pra admirar teu jeito, teus movimentos, tuas manias, teus abraços, teus sorrisos, tudo o que diz respeito a você. Falar que admiro a pessoa que tenho comigo é pouco para descrever você. Tenho muito orgulho de sua determinação, de suas conquistar e gosto de suas história. Eu amo você, e acho que não mudaria nada no teu jeito, pois é esse jeito oposto e parecido com o meu, que equilibra a gente.
Parafraseando você... 'que venham mais 4 meses, 4 anos, 4 décadas ou quem sabe, 4 séculos'




O som...

17:56

As portas se abriram...
E ela passou correndo por elas.
Pés descalços, cabelos bagunçados, vestido solto, sorriso iluminado e olhos sorridentes.
Tocava OASIS em algum lugar da rua e ela precisava saber onde era. Aquela música, aquele som, a convidava de algum modo.
Ele viu sua menina procurando com os olhos e de pontas de pés, de qual lugar vinha a música que estava ouvindo. Decidiu apertar o passo para chegar perto dela o mais rápido possível.
No momento em que ela o avistou chegando, abriu os braços e lhe esperou sorrindo mais ainda. Ele a abraçou pela cintura levantando-a de modo carinhoso, ela sentindo o perfume de seu pescoço, fechou os olhos...

Sem importarem-se com absolutamente mais nada, começaram a dançar num ritmo de câmera lenta, como numa típica cena de reencontro de filme americano adolescente.


Horizonte

22:23

Olha para frente...
Viu? o horizonte.
Sabe qual motivo o sol esconde-se lá?
Bom, é que lá existem coisas lindas, coisas fantásticas, incríveis. Não acha que está na hora de ir ao encontro do seu horizonte?
Pare um pouco de reclamar do que veio à você, se veio desse jeito foi pelo fato de você não ir buscar com mais força, mais fé, mais garra, mais determinação...
Você só sabe seu limite quando ele é testado, mas saiba que você é capaz de chegar no topo, basta ter fé e acreditar em si mesmo.
Sonhe! Sonhos são planos em construção... Ninguém começa a construir uma casa pelo telhado, mas talvez o telhado seja sonhado desde antes de dá inicio a construção da casa. E é por querer aquele telhado que você deve batalhar durante toda a construção. Assim, terás a casa com o telhado desenhado, e com certeza, terás uma bela vista para teu horizonte.


Dia qualquer

23:41

Moço - aquela mulher que parecia uma cigana, porém, com vestes menos chamativos que uma cigana propriamente dita, segurou seu braço firme. Olhou em seus olhos castanhos e começou falar - Qual a razão das dúvidas que invadem sua mente nesses últimos dias? - Ele meio que assustou-se - Moço... você tem dúvidas, medos e angustias. Tudo bem normal para qualquer pessoa. Mas, isso rouba seu sono todas as noites. Por mais cansado que você esteja, seus pensamentos não te deixam.
Você foge de suas vontades. Você almeja a liberdade, o descompromisso, os passeios sem datas pré-agendadas. Existe em você vontade de jogar tudo para o alto e começar mais uma vez, dando chances para novos sonhos. Tudo o que você alcançou  e ganhou, foi mais que merecido, foi de extrema importância. Você já tem quase tudo o que desejou, mas está realmente feliz? Era realmente desse jeito que você queria? Se a resposta for sim, sem pestanejar, pense só por mais um minuto.
As vezes você faz o que gosta sem sentir prazer, faz o que ama reclamando, faz o que mais gosta, mas sentiu que faltava algo para complementar. Olhe bem em sua volta, é isso e desse jeito que você idealizou lá atrás, na sua adolescência, quando viajava nas idéias e sonhos de adulto? E agora, e hoje, aquele garoto se orgulharia do homem que ele tornou-se? De como você realizou alguns dos sonhos dele ou como você simplesmente esqueceu de outros que era importante pra ele?
Ainda há tempo de mudar, de se arriscar, de correr atrás. Mas se não quiser mudar nada, mude ao menos o tamanho do sorriso e da gratidão à si próprio - ela soltou seu abraço e com um sorriso tímido foi embora.

Ele a olhou até ela sumir de sua vista, em seguida se olhou, se analisou e chegou a sua própria conclusão!


Não solte minha mão

23:46

Eu não me preocupo com as horas que passam, com a ausência do abraço, tampouco com a ausência do cheiro. Ambas as coisas estão guardadas em minha memória, em minha alma, em minha vida, em meu ser.
Se é para me preocupar, eu me preocupo como meu cabelo deve estar, na hora de você chegar. Pois sei, que você vai chegar, me abraçar e rir da minha cara emburrada por sua demora.
As vezes não é fácil lidar com a vida exatamente como ela é, exatamente como as coisas vem na nossa direção. Com os 'E SE' que sempre acompanha nossos pensamentos.
É difícil por em prática nossos sonhos, nossas vontades, principalmente quando as tempestades são constantes. As vezes mais que nunca a melhor coisa é sentar, se olhar e conversar. Ver no fundo do olhar a certeza de certas dúvidas, e as certezas sempre são as mesmas:

EU AMO VOCÊ, EU QUERO VOCÊ, PRECISO DE VOCÊ...

Isso vem de um lugar, em nós, ainda desconhecido, mas que só nós dois conhecemos!




Não é pedir demais....

23:16

Não é pedir demais, pedir uma casinha no alto da serra.
Que ela seja seja iluminada pelo raio de sol todas as manhãs, aqueles raios que entram de mansinho trazendo luz, trazendo aconchego, trazendo paz.
Pedir que nela tenha muitos livros, de todos os tipo, em vários idiomas, por todas as partes.
Tenha também uma cozinha aconchegante, com um fogão à lenha e por perto, não falte o sagrado café.
Um quarto que tenha muito de mim no centímetro mais pequeno. Que tenha meu cheiro, meu jeito, meu eu. Que tenha uma janela que permita que eu veja as flores, as árvores, as montanhas, a estrada, as pedras, os pássaros... E que, simplesmente vejam meu sorriso.



Não é pedir demais, pedir minha paz!


Dias...

22:58

É quase verão... e ainda chove e faz frio nas madrugadas.
Eu me pego pensando nos meus passos e chego a conclusão que só caminhei para lados errados sem você.
Que tombei e me apoiei em superfícies vulneráveis. Percebo que a saudade me deixou cega, me deixou sem rumo, sem plano. Eu não sei o que é certo ou errado. Vivo como se estivesse anestesiada, como uma sonambula sem destino.
Eu olho o horizonte e em cada por-de-sol eu vejo teu sorriso. Cada vez mais longe. Sua presença está sumindo, você realmente está saindo de mim. E eu ainda não sei se isso é bom, ou se quando eu acordar, sua presença não existirá mais, de fato, e eu serei a lama do que restou de nós.